Anúncio-Google-Cabeçalho

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Morreu Chris Cornell, vocalista dos Soundgarden e dos Audioslave


Chris Cornell, que ficou conhecido como vocalista dos Soundgarden e dos Audioslave morreu esta quarta-feira, 17 de maio, aos 52 anos. O representante do músico, Brian Bumbery, confirmou, em comunicado enviado à Associated Press que Cornell morreu na quarta-feira à noite em Detroit.
O comunicado diz que a morte foi "súbita e inesperada" e, para já, não é conhecida a causa. A família do cantor pediu privacidade neste momento, para que possam ser apuradas as causas da morte.
De acordo com a revista NME, horas antes da morte, Cornell recordou 20 temas dos Soundgarden num concerto no Fox Theatre, em Atlanta, nos Estados Unidos.
Cornell é um nome incontornável do rock americano, e é mais conhecido pelo seu trabalho como vocalista dos Soundgarden e dos Audioslave. A solo, Chris Cornell editou seis álbuns entre 1999 e 2015. O último disco ("Higher Truth") do cantor foi lançado há dois anos.
Cornell foi ainda o intérprete de um dos temas da saga 007, a canção de "Casino Royale" (2006) "You Know My Name".
O músico fez ainda parte do grupo Temple of the Dog, que regressou ao ativo no final do ano passado para celebrar os 25 anos do lançamento do primeiro e único disco.
Doze anos depois do último concerto, os Audioslave tinham voltado a juntar-se em janeiro e atuaram numa noite de protesto contra a tomada de posse do novo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.
Os Audioslave, que integram músicos dos Rage Against The Machine e dos Soundgarden, atuaram no Teragram Ballroom, em Los Angeles, numa noite programada pelos Prophets of Rage e intitulada "Power to the people".
A banda formou-se em 2002 depois, do ex-vocalista dos Soundgarden Chris Cornell se ter juntado aos membros dos Rage Against the Machine Tom Morello, Tim Commerford e Brad Wilk.
Os Soundgarden tinham um concerto agendado para sexta-feira, 19 de maio, no festival Rock in the Range, nos Estados Unidos.


Fonte: mag.sapo.pt

Sem comentários:

Enviar um comentário